X


All Veja tudo São Luiz do Paraitinga

São Luiz do Paraitinga

Falar sobre São Luiz do Paraitinga certamente é relembrar a alegria, cultura, força e vontade de vencer de um povo que consegue manter viva suas raízes e histórias passadas. Em meio a alegria e sofrimento é um lugar mágico que consegue transmitir à seus visitantes a certeza de que trata-se de uma cidade abençoada e sair de lá com as energias carregadas é garantido!

São Luiz do Paraitinga é uma pequena cidade localizada no Interior do Estado de São Paulo. É  cortada pelo Rio Paraitinga e conhecida por suas festas religiosas, seu carnaval repleto de marchinhas, suas congadas, o marcante som do maracatu, seu povo e sua culinária típica do caipira. Lá podemos encontrar também uma arquitetura do século XIX com um cenário repleto de ladeiras, casarões coloridos e praças, além disso a cena ecológica e de esportes radicais é famosa principalmente por suas cachoeiras e a pratica de rafting.

Dentre seus principais eventos culturais temos a Festa do Divino Espírito Santo que ocorre 40 dias após a Páscoa e começa em uma sexta feira e termina no segundo domingo. Durante os 10 dias de Festa a cidade para e fica interditada para a passagem de automóveis dando espaço a variedade de sons, cores, fitas, figurinos, tambores. Dentre as principais atrações estão as danças típicas de Congadas, Moçambique, Dança de Roda, brincadeira do Pau de Sebo. Esta variedade de informações atrai além de devotos, turistas, visitantes, estudantes e fotógrafos.

O auge da Festa do Divino é o Afogado prato típico da culinária da região. Servido gratuitamente para a população e visitantes o Afogado é feito com carne e batatas servido com arroz, macarrão e farinha.O prato é servido no segundo sábado e é distribuído a partir das 19:00hs logo após a primeira benção feita.

Paraitinga na passagem de ano de 2009 para 2010 foi castigada com uma enchente que devastou a cidade e seus principais monumentos. Ficou marcada pela dor destes dias que felizmente através da caridade do povo, de comunidades vizinhas a cidade conseguiu aos poucos se reconstruir e voltar ao seu ritmo normal. Um pouco mais desta historia você pode assistir no documentário Batismo das Águas.



Logo5
Por: Vem Andar Comigo
vem@vemandarcomigo.com.br
www.vemandarcomigo.com.br

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *